Os Alfabetos Japoneses – Hiragana, Katakana e Kanji

 Em Dicas

Os Alfabetos Japoneses - Hiragana, Katakana e KanjiO japonês é uma língua fascinante. Ela tem uma lógica muito diferente dos idiomas ocidentais e, por isso, oferece ao aluno muitas novas possibilidades e descobertas. E ainda é possível conhecer um pouco mais da cultura japonesa. Afinal, não tem como aprender um idioma sem aprender também a cultura do país. Então vamos falar sobre o idioma japonês.

A primeira coisa que você precisa saber é que o japonês é composto por 106 sílabas e que elas são facilmente pronunciadas no português. Isso porque a pronúncia dessas sílabas tem o mesmo som. Saionara, por exemplo.

A gramática do japonês também é simples, mais do que a do português. As frases costumam terminar com desu, masu, nai, masen, ta, yo, da por conta das conjugações do idioma.

Outra coisa que você precisa saber é que a escrita japonesa é dividida em três sistemas, o hiragana composto por 46 caracteres e usado para escrever palavras japonesas. O katakana, que também é composto por 46 caracteres e é usado em palavras de origem estrangeira ou nome de pessoas. E o terceiro é o Kanji, ideogramas de origem chinesa usados para complementar o idioma. Vamos conhecer melhor cada um deles.

Hiragana

O Hiragana (平仮名) é um dos dois silabários fonéticos que existem na língua japonesa, o outro é o Katakana. Basicamente, o Hiragana é usado para as palavras que não existem no Kanji ou que tenha pouco uso. Outra finalidade do Hiragana é nas terminações dos verbos e dos adjetivos. Também pode ser usado para escrever a pronúncia literal de um Kanji, mas então ele é chamado de Furigana ao invés de Hiragana.

Katakana

O Katakana (片仮名) é o outro silabário da escrita japonesa junto com o Hiragana. Este é o alfabeto japonês mais antigo do japão e foi criado para simplificar os Kanji que tinham origem chinesa. Podemo nos referir aos dois silabários, Hiragana e Katakana, como simplesmente Kana. Também se pode empregar Katakana para referir-se a qualquer caractere do Hiragana.

Kanji

Os Kanji (漢字) são ideogramas da língua japonesa que tiveram origem a partir dos ideogramas chineses. Para se ter uma ideia da diversidade e possibilidades dessa língua, se contarmos todos os Kanji usado na história do Japão, estima-se que existam mais de 40.000. Por conta disso, o Ministério de Educação Japonês estabeleceu uma lista chamada Jouyou Kanji (常用漢字), com um total de 2.136 Kanji. Agora ficou fácil, né? 😀

Posts recentes

Deixe um comentário

Verbo to beNa Itália só se fala Italiano?